Quinta, 01 Novembro 2018 12:22

José Omar é reconduzido ao cargo de chefe do Ministério Público do Estado do Tocantins

José Omar de Almeida Júnior, atual procurador-geral de Justiça (PGJ) do Ministério Público do Estado do Tocantins, foi nomeado nesta quarta-feira (31) para o segundo mandato no cargo. A solenidade de posse irá ocorrer no dia 14 de dezembro.

José Omar foi o candidato mais votado da lista tríplice, seguido dos procuradores de Justiça José Demóstenes de Abreu e Alcir Raineri Filho. Na ocasião, a CONAMP e a Associação Tocantinense do Ministério Público (ATMP) encaminharam ofício ao governador Mauro Carlesse solicitando a escolha do mais votado por esta ser a vontade da maioria dos promotores e procuradores de Justiça do Tocantins, manifestada em pleito.

Um dos compromissos assumidos por José Omar foi o reforço da atuação em prol de alteração legislativa estadual que atualmente impede a candidatura de promotores de Justiça ao cargo de PGJ. Esta é uma das bandeiras históricas da CONAMP e da ATMP. Pelo princípio da isonomia, toda a carreira ostenta as mesmas garantias e prerrogativas, fato afirmado pela Carta Magna que assegura a formação de lista tríplice dentre os integrantes da carreira (art. 128, § 30 da CF). Se a Constituição Federal não faz distinção entre promotor e procurador de Justiça, a lei estadual que o faz é manifestamente restritiva e contraria à Lei Maior.

Hoje em dia, esta restrição existe apenas em quatro estados: Minas Gerais, São Paulo, Roraima e Tocantins.

Não perca nenhuma novidade!

Fique por dentro das notícias sobre o Ministério Público

Prometemos não utilizar suas informações de contato para enviar qualquer tipo de SPAM

ASSOCIAÇÕES AFILIADAS



 

CONAMP Informa

CONAMP Notícias

Quer ainda mais novidades? Assine nossa newsletter!

Loading, please wait..